Tudobox

Apendicite Aguda

Descrevemos as características e tratamento da apendicite aguda.

Apendicite agura é o nome que recebe a inflamação do apêndice cecal, uma bolsa vermiforme de cerca de 10 centímetros junto ao intestino grosso, na parte inferior do abdômen.

A ocorrência da apendicite aguda se dá quando blocos de fezes endurecidas obstruem o apêndice, que se liga ao intestino grosso por um canal.

Este mal pode ocorrer em qualquer idade, embora seja mais frequente em adolescentes, afetando em torno de 7% da população em algum momento. Trata-se da causa mais comum de dor abdominal necessitando de tratamento cirúrgico emergencial.

Os sintomas da apendicite aguda incluem, inicialmente, dor na região do umbigo, náuseas, sensibilidade ao toque no ventre e talvez vômitos. Posteriormente a dor pode deslocar-se para parte inferior do abdômen havendo também febre.

A inflamação do apêndice pode ocasionar sua ruptura, hipótese em que, caso o organismo não consiga bloquear a infecção, o conteúdo do órgão pode se espalhar causando uma inflamação do peritônio, a membrana que reveste a parede do abdome e protege os órgãos.

Caso isso ocorra, o paciente sentirá fortes dores na região abdominal, febre alta e grave quadro tóxico, sendo necessária uma intervenção cirúrgica emergencial.

O tratamento da apendicite aguda, portanto, é a cirurgia com anestesia geral do paciente, na qual se retira o órgão por meio de uma incisão no abdômen inferior direito e, porteriormente, se faz uma drenagem do abscesso, caso exista.

Esta operação em muitos casos pode ser feita por laparoscopia, com a diferença de que a incisão será menor que em uma cirurgia normal.

O período de internação varia de 24 a 72 horas, dependendo das condições do apêndice e da presença de pus no momento da cirurgia. Todos os pacientes devem receber antibióticos no período pré-operatório e no pós-operatório.

É importante que a assistência médica seja procurada logo que surjam os sintomas, pois caso o problema não seja tratado, poderá levar até mesmo ao óbito do paciente.

----------
Atenção! Este artigo trata de assuntos relacionados a saúde. As informações aqui contidas possuem caráter preliminar, genérico e educacional, não substituindo de nenhuma forma as orientações de seu médico. Você não deve se determinar pelos dados aqui contidos. Consulte sempre um profissional e siga o tratamento por ele prescrito.








Todos os direitos reservados

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização

Editorial | Política de Privacidade | Contato