Tudobox

Fique atento aos Sintomas da Dengue

Conheça os sintomas de cada um dos tipos da doença.

A dengue é uma doença caracterizada por quadro febril, com contágio viral e de evolução benigna nas modalidades leves ou evolução grave na forma hemorrágica.

Atualmente a dengue é uma das mais importantes doenças transmitidas por artrópodes que afetam o homem, representando um sério problema de saúde pública que presente em todo o mundo, especialmente em países tropicais como o Brasil, onde as condições climáticas favorecem o desenvolvimento do Aedes aegypti, mosquito transmissor.

Existem quatro tipos diferentes de dengue, cada uma com sintomas característicos próprios.

É importante, portanto, que você esteja atento aos seguintes sintomas da dengue:

Dengue Leve
• Febre por até 7 dias;
• cefaléia (dor de cabeça);
• prostração (debilidade, cansaço, enfraquecimento);
• dor retro-orbitária (na região dos olhos);
• exantema (erupção, como do sarampo ou assadura);
• mialgia (dor nos músculos, ombros, pescoço, testa, etc);
• artralgia (dor nas articulações);
• Ausência de manifestações hemorrágicas.

Dengue Moderada
• Os já citados;
• Febre e sintomas inespecíficos;
• Paciente com ou sem manifestações hemorrágicas;
• Sem sinais de instabilidade hemodinâmica.

Dengue Grave
• Os já citados;
• Presença de um ou mais sinais de alerta, descritos abaixo.

Dengue Hemorrágica
• Dor abdominal intensa e contínua (não cede com medicação usual);
• Agitação ou letargia (perda temporária da sensibilidade e do movimento);
• Vômitos persistentes;
• Pulso rápido e fraco;
• Hepatomegalia dolorosa (aumento do fígado);
• Extremidades frias;
• Derrames cavitários (acúmulo de líquido entre duas membranas que normalmente estão coladas);
• Cianose (coloração azulada da pele e membranas mucosas);
• Sangramentos expontâneos;
• Lipotimia (perda parcial ou completa do conhecimento e abolição das funções motrizes);
• Hipotensão arterial (pressão baixa);
• Sudorese profusa (suor em excesso);
• Hipotensão postural (queda súbita de pressão quando a pessoa fica ereta);
• Aumento repentino do hematócrito (percentagem ocupada pelos glóbulos vermelhos ou hemácias no sangue);
• Diminuição da diurese (produção de urina);
• Melhora súbita do quadro febril até o 5º dia;
• Taquicardia.

Em caso de suspeita de dengue, procure imediatamente atendimento médico para seja providenciado um diagnóstico preciso, descartando ou confirmando a doença, com o fornecimento do tratamento adequado.

----------
Atenção! Este artigo trata de assuntos relacionados a saúde. As informações aqui contidas possuem caráter preliminar, genérico e educacional, não substituindo de nenhuma forma as orientações de seu médico. Você não deve se determinar pelos dados aqui contidos. Consulte sempre um profissional e siga o tratamento por ele prescrito.










Redes Sociais






Todos os direitos reservados

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização

Editorial | Política de Privacidade | Contato