Tudobox

Artrite Reumatoide – Causas, Sintomas e Tratamentos

Saiba mais sobre este mal que afeta principalmente as articulações do paciente.

A artrite reumatoide é uma doença que se caracteriza pela inflamação das articulações e dos tecidos circundantes (como mãos, punhos, cotovelos, ombros, pés, joelhos, tornozelos e coluna cervical), podendo também afetar outros órgãos do corpo (como coração, pulmões e rins). Trata-se de uma doença auto-imune que pode ocasionar a incapacitação funcional dos pacientes.

A causa da doença é uma alteração no sistema imunológico, que se volta contra o próprio organismo, principalmente contra proteínas que formam as articulações.

Fatores genéticos, infecções e mudanças hormonais podem ser capazes de desencadear a doença, a qual pode ocorrer em qualquer idade, embora seja mais comum em mulheres de meia-idade.

Os sintomas mais comuns da artrite reumatoide são a rigidez matinal, mal-estar, diminuição do apetite, perda de peso, cansaço, febre baixa, inchaço nas juntas das mãos, punhos, joelhos e pés, que podem se deformar com a evolução da doença.

A rigidez que ocorre no período matinal costuma regredir ao longo do dia. Também podem ocorrer dor no peito ao inspirar, boca e olhos secos, nódulos sob a pele, dormência, formigamento ou ardência nas mãos e pés.

O diagnóstico da doença é realizado pela análise dos sintomas mencionados, podendo também serem realizados exames laboratoriais (VHS, proteína C-reativa e fator reumatoide) e por imagem (raios X, ressonância magnética, ultrassonografia articular).

O tratamento da artrite reumatoide inclui o uso de medicação, fisioterapia, exercícios físicos e até mesmo cirurgia. Quanto mais precoce o diagnóstico e início de tratamento, melhores os resultados.

Os medicamentos incluem analgésicos, anti-inflamatórios não esteroides (AINE), cortiscoroides e drogas imunossupressoras. A cirurgia ocorre conforme o caso em estágios avançados da doença.

Embora ainda não exista uma cura definitiva, é possível evitar sua progressão e reduzir seus sintomas, preservando a capacidade funcional da pessoa.


----------
Atenção! Este artigo trata de assuntos relacionados a saúde. As informações aqui contidas possuem caráter preliminar, genérico e educacional, não substituindo de nenhuma forma as orientações de seu médico. Você não deve se determinar apenas pelos dados aqui contidos. Consulte sempre um profissional e siga o tratamento por ele prescrito.










Redes Sociais






Todos os direitos reservados

Proibida a reprodução total ou parcial sem autorização

Editorial | Política de Privacidade | Contato